domingo, 13 de agosto de 2017

Pela ultima vez...

... fui à nossa casa antiga.
Fui fazer limpezas. Gosto de entregar a casa limpinha e arranjadinha e por isso lá fui eu fazer mais uns cento e poucos quilómetros para a deixar assim.
E como foi triste para mim.
Limpei tudo, deixei tudo cheiroso e arrumado e no fim quando fui fechar os estores e deixar as chaves percorri a casa toda e fui tendo flashbacks de um monte de memórias que ali foram feitas.
A primeira vez que vimos a casa e decidimos ficar com ela. Secretamente olhar para o 2º quarto e imaginar o quarto do bebe. A nossa conversa no sofá sobre a decisão de irmos tentar ter um filho. A primeira vez que o marido sentiu o bebe mexer "olha o gajo" disse ele :) Decorar o quarto do bebe. O dia em que sai de casa a chorar para ir para a maternidade e disse " a Proxima vez que aqui entrar a nossa vida vai ser tão diferente".
A primeira noite com o Tomás. O primeiro banho... o primeiro tudo! O meu pequenito a gatinhar pela casa... a andar pela casa...
O nosso casamento... o batizado do Tomás... as festas de aniversário... tanta gente numa salinha pequena ... tanto amor.
A conversa sobre a decisão de ter um segundo filho na mesa de jantar. A noticia dada no dia de aniversário dele "tenho uma prenda para ti" com o teste de gravidez acabado de fazer.
O Tomás e o pai a sentir a Camila na minha barriga. O dia em que sai de casa para ir para maternidade, desta vez não chorei mas tinha medo e quando fechei a porta disse "sou capaz!"
A primeira noite da Camila. O primeiro banho. A primeira sopa. A pequenita a gatinhar pela casa toda e o irmão atras.
A decisão de ir embora... a felicidade de ter conseguido comprar a NOSSA casa. O medo de ir embora.
Ontem fechei as janelas e quando fechei a porta agradeci a esta casita... e chorei quase o caminho todo até a esta casa nova, porque no meu coração aquela é que ainda era a minha casa.
Está a custar esta mudança...

2 comentários:

  1. Gostei tanto de te ler... senti isso tudo quando deixei o meu primeiro apartamento... :( Há mudanças que custam. São boas mas custam.

    ResponderEliminar
  2. Senti isso quando mudei de casa também, é um misto de emoções..felicidade porque temos a nossa casa finalmente e por outro lado..a despedida da casa onde vivemos muita coisa como casal, onde crescemos como casal..onde tudo começou, o nosso 1º ninho. Só te consigo dizer que com o tempo tudo fica mais fácil e a nova casa passa a ser o novo ninho. Gostei muito do texto. Bjnh

    ResponderEliminar